dhoti ♥

29.5.13

29.5.13



Há muito tempo que admirava o trabalho da Sara em silêncio.
Visitava o FB e a loja da Dhoti e gostava daquilo que a 'mãe da Ema' fazia. Apreciava as peças, as fotos e todo o conceito da marca que acho que está muito bem feito.
Pensava sempre que as minhas miúdas iam ficar muito 'cool' com estas roupas que a mãe da Ema faz.
Pois um dia parei de pensar e comprei à Sara um pinafore para cada uma delas e estas calças com um estampado improvável para a Simone.
Chegaram hoje, são lindas!
Falta agora o sol dar uma ajuda e trazer melhores dias para estas roupas fixes.

Mas tenho algo a dizer sobre estas coisas das compras online a pessoas que nos são de alguma forma 'próximas' virtualmente, que admiramos e seguimos, mas que nunca compramos. Eu sei que é assim, que acontece com toda a gente, comigo acontece.
Vamos mais facilmente a uma loja e compramos roupa casualmente do que seleccionamos uma peça especial feita por alguém que admiramos e que sabemos que podemos ajudar a valorizar.
Este trabalho só faz sentido se alguém o comprar, não bastam os likes e os elogios, a opção de preferir comprar umas calças à Sara em vez de 2 leggings numa loja qualquer deve ser consciente. Não apenas porque estas calças são dezenas de vezes mais bonitas e diferentes, mas também porque podemos ajudar a manter um círculo de pessoas que fazem coisas, que se lançam por aí e dão a cara em nome da sua criatividade. É importante dizer-lhes que gostamos e usarmos quando faz sentido. Não apenas apreciar.
Materializar as ideias é algo que dá muito trabalho. Quem faz, faz por gosto, por prazer, sem dúvida, mas quem vê deve também lembrar-se de quem faz no momento da compra. Os tempos não estão fáceis, eu bem sei, mas as compras conscientes e com um bocado de coração têm um prazer acrescentado que as outras não têm. Optar por comprar menos e melhor é uma boa opção, faz-nos sentir bem e úteis. Fazer parte do processo é importante.

Hoje sou eu, amanhã és tu.

[fotografias de Sara Gerardo - Dhoti]

7 comentários

  1. Adorei as peças! E realmente não basta gostar, o apoio tem que vir do consumo também! :)

    http://hiimab.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. Tiraste as palavras que tantas vezes andam na minha boca! Ah é giro e tal, tiras fotografias tão lindas, um dia faço uma sessão contigo... bla bla bla... e esse dia nunca chega. Continuam os likes, o apoio, mas é preciso mais. Claro que tudo isso é bom, mas os negócios mantêm-se se houver clientes à séria e não apenas palmadinhas nas costas. E como dizes, é bem melhor essas calças que duas leggings iguais a todas as outras. A roupa é bem gira e nem conhecia, pelo que a partilha já foi boa! Beijinhos!

    ResponderEliminar
  3. Para além de giras e originais são muito bem executadas. De facto, é pena que se mantenham os velhos hábitos de comprar o "fast-food" da roupa. Entrar numa loja de shopping e comprar meia dúzia de peças vulgares e de qualidade duvidosa continua a ser preferível para algumas pessoas, quando podiam ter uma peça muito mais interessante, bonita, criativa e diferente!
    Creio que o aparecimento de marcas como a DHOTI começa a mudar a forma de comprar. Qualidade em vez de quantidade.

    ResponderEliminar
  4. Obrigada Sílvia. É bom ter encorajamento mas ter clientes é ainda melhor!

    ResponderEliminar
  5. Que roupas lindas! Sou louca para fazer um curso de corte e costura para fazer roupas lindas para minha pequena! Beijos
    http://antonellaesuaboneca.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  6. Que lindas peças Sílva. Mesmo, mesmo lindas! :)

    ResponderEliminar
  7. É tão verdade o que dizes... não é fácil gerir os nossos negócios online quando nem sempre lucram o que queremos ou precisamos que lucrem. Eu gosto de comprar online e sempre que posso vou por aí. Os produtos são cuidadosamente bem feitos e com boas matérias primas.

    ResponderEliminar