basta!

24.1.08

24.1.08


não quero utilizar este post para fins publicitários, nem é minha intenção deixar transparecer qualquer tipo de preferência pelas empresas em causa!!!
a finalidade é apenas falar sobre a inteligência, criatividade e poder dos spots publicitários.
os spots publicitários que mais detesto são, de longe, os dos hipermercados ou dos produtos associados às tarefas domésticas (detergentes, lava-loiças, etc). ultimamente anda para aí um que me tira do sério: aquele em que aparecem umas pessoas a cantar como se de uma revista se tratasse, e querem que o "povo" engula o conceito de que lá ir gastar uma pipa de massa é o melhor programa de fim-de-semana para a família portuguesa...urghhh!!! acho que até evito ir a esse sítio por causa da publicidade:)
mas parece que as minhas preces foram ouvidas e finalmente apareceu o spot publicitário certo para pôr abaixo todos os outros que tanto me andavam a irritar...
e cá está ele! eu acho genial, pois expressa exactamente o que penso de todos os outros. não sei qual foi a agência de criativos, mas lá que foram inteligentes, foram. não que eu tenha passado a frequentar mais este ou outro qualquer, não, mas respeito mais uma empresa que sabe fazer publicidade inteligente do que aquelas que fazem publicidade que parece tratar as pessoas como "incapazes mentais"...e tenho dito!

7 comentários

  1. Também me ri muito quando vi este spot porque revejo-me com uma mão cheia de talões a dividir as compras por dois supermercados e por dois dias: os dias das promoções... e por aí fora numa tentativa de economizar.
    Mas para ser sincera, depois de me rir, o que vi foi um bom chamariz. Fizeram o que os outros fazem mas seguindo um outro estratagema.
    Porque na verdade quem faz compras para a familia com um ordenado mínimo tem mesmo que se dar ao luxo, dos talões, cartões e dias de promoções.

    ResponderEliminar
  2. Também me ri muito quando vi este spot porque revejo-me com uma mão cheia de talões a dividir as compras por dois supermercados e por dois dias: os dias das promoções... e por aí fora numa tentativa de economizar.
    Mas para ser sincera, depois de me rir, o que vi foi um bom chamariz. Fizeram o que os outros fazem mas seguindo um outro estratagema.
    Porque na verdade quem faz compras para a familia com um ordenado mínimo tem mesmo que se dar ao luxo, dos talões, cartões e dias de promoções.

    ResponderEliminar
  3. Também me ri muito quando vi este spot porque revejo-me com uma mão cheia de talões a dividir as compras por dois supermercados e por dois dias: os dias das promoções... e por aí fora numa tentativa de economizar.
    Mas para ser sincera, depois de me rir, o que vi foi um bom chamariz. Fizeram o que os outros fazem mas seguindo um outro estratagema.
    Porque na verdade quem faz compras para a familia com um ordenado mínimo tem mesmo que se dar ao luxo, dos talões, cartões e dias de promoções.

    ResponderEliminar
  4. Comentei 3 xs?? Incrível já não me basta a falta de memória agora ainda tinha que repetir que nem um papagaio???
    O que vale é que faço a festa toda!
    Desculpa Silvia.
    beijo

    ResponderEliminar
  5. Concordo plenamente!!!

    ResponderEliminar
  6. Fazer publicidade, boa publicidade, ao contrário do que muitas pessoas pensam não é tarefa fácil. Muitas pessoas pensam que os criativos, os publicitários, têm uma vida fácil e que passam o dia a divertirem-se... mas fazer publicidade é mais do que fazer anúncios bonitinhos, com boa imagem, bom texto e que, principalmente, nos façam rir. Fazer um bom anúncio publicitário é fazer um anúncio que "atinja" o público-alvo que consome o produto/serviço que queremos vender. No caso dos supermercados e detergentes essa tarefa é ainda mais dificil pois o público-alvo é bastante vasto pois são várias as fachas etárias e classes sociais, etc que vão ao supermercado (ou que usam detergentes) e também porque não há muito a dizer sobre supermercados, ou se calhar há coisas a mais a dizer. Por este e outros motivos o anúncio Basta! está, realmente, bem feito! Vai directo ao público, fala directamente com ele, fala-lhe daquilo que ele pensa, daquilo que ele sente quando vê os anúncios dos outros supermercados e quando vai às compras. O tom com que a mensagem é passada está muito bem feito, um tom de quem está realmente farto e chateado e ao mesmo tempo parece que os actores estão mesmo ali à nossa frente, a desabafar connosco sobre aquilo que eles e nós sentimos. Um outro anúncio a supermercados ao qual também acho piada e atenção que quando digo piada é mesmo isso que acho do anúncio é o dos "Preços Fininhos", pegaram numa música conhecida de todos e assim passam a mensagem num tom humorístico. Quanto ao anúncio do Continente, pouco tenho a dizer... o mesmo pouco que o anúncio me diz a mim. Penso que é vazio, não tem mensagem, é um zero na comunicação, com a agravante de que não sou especial admiradora do estilo musical La Fériano.

    ResponderEliminar