no to spec

9.11.15

9.11.15
Para quem trabalha com serviços o trabalho especulativo está um pouco por todo o lado. De tal forma, que a determinada altura, mesmo sem darmos por ela, já o fazemos porque nos parece que faz parte do processo.
Não faz.





[imagem via a palavra do cliente]

6 comentários

  1. É pena o "divertir-mos", "orgulhassemos", faltarem duas vírgulas e um "de".
    A forma não faz jus ao conteúdo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Raquel. A 'palavra do cliente' é uma página com expressões originais de clientes. A forma não é alterada, é porque foi assim que escreveram originalmente.

      Eliminar
  2. Numa das vertentes da minha vida, sei bem o que é isto. Traduções que se fazem sempre "num instante", pedidas para ontem porque o amigo X pediu ao amigo Y que depois me pediu. Revisões de livros e de textos e mais "frases criativas" tiradas do nada.
    Não faz (mesmo) parte do processo. No meu caso, só há uns meses é que decidi que não faria mais nada neste registo. Às vezes, é assim. Leva tempo.
    Fazes bem em lembrar coisas destas.
    E uma outra coisa neste universo estranho em que nos movemos é haver apelos declarados de páginas e de sites a solicitarem serviços que, declaradamente, não serão remunerados. Já vi isto e não queria acreditar. Num em particular, a autora do apelo tinha a lata de dizer que o que valia mais era a experiência de trabalhar com ela.

    Um abraço, linda Sílvia. E dias bons!

    Mar

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mar, há muito que já escolhi o meu lado da barricada, porque na web em que as caras estão sempre separadas por ecrãs, a lata é descomunal. As propostas chegam a ser ridículas. Por mim passam e seguem. Na tua área ainda tens o mito do 'jeito' para escrever, que às vezes não se identifica como um trabalho. Mas sabes? Muitas vezes os maiores culpados destas coisas são as pessoas que fazem o mesmo trabalho que nós, profissionais, que em troco de sei lá bem o quê, descem de tal forma a fasquia que o mercado perde todo o respeito.

      Eliminar
  3. Ah! Maravilha! Tinha isto aqui guardado para partilhar contigo :)

    ResponderEliminar