curto comprido com ou sem franja?

26.2.13

26.2.13
com mais ou menos cabelo?com mais ou menos cabelo?com mais ou menos cabelo?com mais ou menos cabelo?com mais ou menos cabelo?

Ando a fazer um esforço maior do que sou capaz para deixar o meu cabelo crescer. Mesmo!
Decidi que o quero comprido, bem comprido, pelo menos uma vez na vida. Ter cabelo, muito, para fazer penteados, apanhados, tranças, o que me apetecer.
Ando determinada, mas também cansada, quase todos os dias penso em cortar.

Acho que usei franja ou curto mais de 10 anos. Gostava de vos mostrar uma foto do meu cabelo comprido, sem franja, normal, solto, mas não consigo, porque não tenho nenhuma. Ando sempre com ele preso de alguma maneira, porque acho que já não sei como se usa o cabelo que vem para a frente da cara.
Como é que as pessoas que têm cabelo liso, como o meu, se penteiam sem parecer o peninha com meia dúzia de cabelos em frente dos olhos, que se sopram para o lado?
Será que agora há produtos fantásticos para pentear que eu não conheço?
Como é que o pessoal fica com aquele cabelo tipo surfista que vem da praia?
Digam-me caras leitoras quais os vossos truques de cabelo, mostrem-me aqueles vídeos fantásticos, falem-me de produtos, coisas que se compram e fazem maravilhas. A ver se eu me consigo aguentar!

19 comentários

  1. zero truques. neste momento estou a chegar ao limite do comrprimento e acho que estou quase a cortar de novo. o que o meu cabelo tem de bom é que não preciso de o pentear: passo os dedos, e já está!

    ResponderEliminar
  2. O meu cabelo dá trabalho! Mas já cheguei à conclusão que curto é que é! Também em fase de descisão...

    ResponderEliminar
  3. Uso muito comprido e cada vez me custa mais cortar... os únicos cuidados que tenho:

    - muito pouco secador, mas seco sempre ligeiramente, para não queimar nem deixar as raízes muito húmidas...
    - uma máscara muito hidratante (uso de supermercado, de preferência com jojoba e abacate) deixei os "amaciadores" que não fazem absolutamente nada.
    - lavo o cabelo dia sim, dia não, salvo raras excepções.

    Mas adoro ver-te de cabelo curtinho com franja!

    ResponderEliminar
  4. Aconselho a deixar crescer, estou nessa fase também e é muito enervante porque a franja está num estado de estupidez que só me apetece voltar a cortá-la... mas sabendo o que custa digo; deixa crescer, depois de comprido dá para fazer tudo! :)
    KISS**

    ResponderEliminar
  5. eu sou fã acérrima de franja, mas vivo com a minha uma relação de amor-odio. adoro franja, mas a minha a partir de certa altura ganha vida própria...agora tou a deixar crescer....a ver se aguento...

    ResponderEliminar
  6. eu tenho o cabelo liso, liso, tão liso que até mete impressão e muito fininho. por ser tão fininho tenho sempre o cabelo curto, com franja curta e sempre assimétrico, para que dê ilusão que tem volume. mas também ando numa demanda para o deixar crescer, como está assimétrico, não está fácil. a franja anda a irritar-me, muito. mas quero fazer tranças e usar ganchos. por isso não lhe dou importância e fico feliz por ter chegado ao fim do dia sem ataques para cortar o cabelo.

    ResponderEliminar
  7. Conheço tão bem o estilo. A minha solução foi fazer umas ondulações. O cabelo apanhou uns jeitos e já consigo andar com ele quase sem pentear. Tirando isso, ganchos e chapéus. :)

    ResponderEliminar
  8. Eu sofro do mesmo mal...
    Muitos anos com o cabelo curto, e estou precisamente neste momento a tentar crescê-lo e está a ser bem difícil...e depois de ver estas fotos, apetece-me ir já a correr pedir que me façam o corte na tua segunda fotos ;)

    ResponderEliminar
  9. Olá Sílvia. Eu estou a passar por um processo similar, mas ao contrário! Sempre tive o cabelo comprido e deixei-o curto uns anecos, poucos... Agora apetecia-me um corte diferente, mas não sei bem como. Sente o que te faz mais sentido. Visto de fora o cabelo comprido, mesmo que preso, fica-te MUITO bem! Ficas bem de cabelo curto ou curto e comprido atrás, mas o cabelo comprido em ti dá-te um ar mais maternal... não sei porquê, mas dá. O meu cabelo é comprido e cheio de manias. Um bom banco de ideias para penteados é o youtube. A sério. Acho que ando de penteado diferente dia sim dia não. O meu é escalado, por isso, ficam umas pontas de fora e outras penteadas, mas isso é que lhe dá um ar mais EU! Procura produtos naturais para o cabelo, por vezes, sem marca são os ideais - aloé vera, azeite, mel,... ;-D
    Raquel

    ResponderEliminar
  10. Gosto do cabelo como na última foto

    ResponderEliminar
  11. Alô Sílvia!

    Acho que te fica muito bem de qualquer maneira! Mas eu digo Viva ao cabelo comprido, eh eh eh!! Dá para tê-lo curto, de muitas maneiras, variar nos penteados... usar liso, ondulado ou com caracóis. Claro que no dia-a-dia, não se inova muito, mas quando podes e te apetece... haja criatividade!! :)
    Produtos: há excelentes champôos orgânicos da Organii. O Ecophane, de farmácia é excelente! Depende do que precisas e até quanto queres gastar...
    Beijinhoooos

    ResponderEliminar
  12. eu tb ando a deixar crescer o meu, so que o meu depois de seco encaracola, e o teu é mais liso... experimenta para ver como resulta o que eu faço ao meu: pentei-o antes de lavar, depois de lavado, tiro o excesso de água, sacudo-o (como se tivesse a escutar musica metálica) e deixo ficar...às vezes seco logo com o secador, outras deixo enxugar uma parte ao ar enquanto faço outras coisas e depois dou-lhe com o secador (eu, de cabeça para baixo para dar volume)... não me dá trabalho nenhum e lá recebo um ou outro elogio

    ResponderEliminar
  13. Foto de baixo, com o bebé. Curto e com personalidade, muita personalidade. Ficas mesmo muito bem, eu nem hesitava em voltar a ese corte.

    ResponderEliminar
  14. Eu sempre quis deixar crescer... Houve uma altura em que consegui que passassem os ombros mas depois fiz rastas. Ainda andei uns anos de rastas mas o trabalho obrigou-me a cortar e cortei curtinho. Foi difícil começar a deixá-lo crescer, tive muitos ataques de tesoura e agora já está na fase de passar os ombros, o que mais me chateia ainda é a franja que ainda não consigo prender atrás da orelha e rapidamente me canso dos ganchos.

    Faz o que realmente queres.

    ResponderEliminar
  15. Gosto muito de te ver com ele comprido;)

    ResponderEliminar
  16. Susana canhola6:45 da tarde

    Também a deixar crescer, mas é tão difícil!

    ResponderEliminar
  17. Se eu fosse a ti, aconselhava-me com um bom profissional.
    Mas um mesmo bom.
    Não como a senhora das unhas :DD

    ResponderEliminar
  18. Curto fica giríssimo, como na 2ª foto com aquela franja à la française. Já lhe disseram que é mt parecida com a Juliette Binoche?
    Miú

    ResponderEliminar