quase 20 anos depois...

3.8.13

3.8.13
Passei nesta rua inúmeras vezes, estudei vários anos em frente a esta fábrica. Durante muito tempo não soube o que era, depois perguntei e investiguei. Tentei espreitar pela porta, por cima do muro, no parque de estacionamento, nas janelas da faculdade, mas nada me mostrava mais do que uma deslumbrante fachada e uma enorme chaminé.

Imaginei histórias e famílias e jardins e fábricas e pessoas.
Eu tenho uma paixão por edifícios e coisas antigas e sempre que possível tento espreitar, mas nunca houve outra que aguçasse tanto a minha curiosidade como esta fábrica.

Hoje, graças a um post da Marta no FB vejo este filme que me leva por todas as ruas e portas que eu sempre desejei entrar.
Cá está ela: "A Companhia Aurifícia, a antiga indústria de pregaria da qual a maioria dos portuenses conhecerá apenas a bonita fachada em tijolo cor de vinho na Rua dos Bragas. Para lá do portão, está o equivalente a 1,6 campos de futebol de terrenos e oficinas desativadas e um cenário quase cinematográfico, que se estende até à Rua de Álvares Cabral."

 

7 comentários

  1. O Porto é LINDO! E parte dessa beleza está escondida atrás de fachadas antigas.
    Obrigada por este post!
    x

    ResponderEliminar
  2. é admirável como antigamente se "perdia" tanto tempo a embelezar todos os elementos, quer fossem detalhes de jardins, puxadores de portas, túneis, ferragens de suporte...

    muito bonito.

    ResponderEliminar
  3. Essa frase entre aspas, onde a leste?

    ResponderEliminar
  4. @ Dora: na página online do JN. Pelos vistos as palavras são tuas:)

    ResponderEliminar
  5. É absolutamente divinal!

    ResponderEliminar
  6. No mês passado, enquanto passeava pela rua dos Bragas fotografei a fachada, fiquei com muita curiosidade em ver o interior. Obrigado pela partilha! É um espanto... :)

    ResponderEliminar
  7. A Aurificia pertencia à familia de uma amiga e fui lá muita vezes....alguns primos ainda viviam lá, mas não sei o que é feito do edificio!

    ResponderEliminar