margarida girão, the super lady

10.2.14

10.2.14

Já foi há alguns anos que me cruzei com um trabalho da Margarida Girão na Internet. Acho que foi esta foto.
Desde então de forma mais ou menos intermitente fui acompanhando e admirando o trabalho da Margarida. Das muitas ilustrações com recortes que ela cria, passando pela sua viagem a solo pela América do Sul, até à nova loja onde vende peças de roupa com as suas ilustrações, a Margarida consegue sempre surpreender-me e prender-me ao ecrã a acompanhar o que quer que seja que ela faz.

Ultimamente têm sido estas ilustrações acompanhadas de pequenas frases que me têm deixado a pensar.
Todos os dias nos cruzamos com fotos e frases em todas as redes sociais, mas as imagens da Margarida conseguem despertar em mim algo mais. A super lady é uma das imagens mais poderosas que vi nos últimos tempos. Tive a sorte de a receber junto com a t-shirt que lhe comprei no outro dia, e agora anda comigo na agenda para todo o lado. É como um amuleto de energia e inspiração.
A propósito deste trabalho de ilustração, que ela me explicou ser todo manual, perguntei-lhe no outro dia:

Achas que as tuas imagens podem distribuir super poderes pelas mulheres da 'rede'?
- Sim, as imagens são super poderosas. Tens que experimentar. Ainda ontem fui a Timor Leste com um botão na orelha direita e asas de pombo nas costas. Ah, tenho um braço cristal, protege-me do mau tempo. E quando estou quase a stressar olho para a menina que faz pilates, e uf! lembro-me que preciso de relaxar.
A influência das ilustrações depende muito da receptividade das pessoas. A imagem tem poder, mas por si só não faz acontecer.

Depois disto, há uns dias li uma das entrevista mais originais dos últimos tempos, feita pela Maria Pratas  à Margarida para a revista Mutante, em que ela fala um pouco de si e da sua forma de ver a vida e o mundo, o que veio reforçar a minha admiração e o poder das ilustrações! 

Para já fiquem com mais algumas das ilustrações da série 'oh dear, that's life', que já estão disponíveis na loja em forma de postais, e sigam a Margarida no seu Facebook, onde a inspiração é garantida.

6 comentários

  1. Será uma rapariga como nós ?
    A Margarida é Girl Power !

    maria pratas

    ResponderEliminar
  2. Cantei nas Spice Girls, sabiam?
    Mas era tão poderosa que estava sempre invisível.

    ResponderEliminar
  3. Adoro a visão refrescante da Margarida! Tanto das suas palavras como das ilustrações :)

    ResponderEliminar
  4. Margarida Girão10:31 da manhã

    Andrea: thank you!:)
    Ana: obrigada pelas palavras :)

    ResponderEliminar